Orfeão Infanto Juvenil Caminho da Vida

Curitiba

O Orfeão Infanto Juvenil Caminho da Vida surgiu com um pequeno grupo que sempre cantava em ocasiões especiais na Igreja Batista de Vila Clarice (provavelmente iniciou no final da década de 50). O Maestro João Alves da Silva, ensaiava as crianças, grande parte filhas e sobrinhos e primos. Integrantes de outras igrejas passaram a fazer parte. Igreja Batista de Vila Gaíra e Igreja Ucraniana de Vila Guaíra.

Realizou muitas apresentações. Uma das mais importantes foi a do início da transmissão do Canal 6 de Curitiba em 1963. Além de músicas natalinas o Orfeão interpretou. a música "Ouve a Preçe", declamada por Daise Ansay (6 anos).

Com a gravação do LP o Orfeão passou a ser denominado de: ORFEÃO INFANTO JUVENIL CAMINHO DA VIDA.

     Senhor,ouve esta Prece!
            Que a Vida faz nascer
           Em nossos corações
           Senhor,queremos um futuro
           Um Sol de esperanças
           Um céu   sereno e Azul.


          Paz na Terra,pedimos ao SENHOR
           De joelhos diante da Cruz
           Ouve a prece
           E o mundo  então será
          De Alegria,Paz e de Amor

          Senhor ,todo de Bondade
         Falaste um dia assim:
         EU VOS dou  a Minha PAZ
         Senhor,a PAZ e O Progresso!
         Um lindo  céu na terra
         Um Novo Mundo traz.
  PAZ NA TERRA !

no céu sereno e azul.

Apresentações:

Curitiba, Morretes, Paranaguá, São Paulo.

NOITE DE NATAL

Valdir Alves da Silva Wassmuth  

.....Naquela tarde as crianças foram chamadas para casa mais cedo.O sinal era bem conhecido. Um assobio longo do grave para o agudo até esvaziar os pulmões.
     Os três deixaram os capões rodeados por imensos espaços de grama forquilha e uma nova correria começou. No fogão a lenha,  água para o banho  aquecida em vasilhames de lata.
     O vento levava para todos os lados o vapor d'água misturando o cheiro da serragem ao bolo de laranja. Sapatos engraxados, roupas separadas engomadas e passadas, corrida contra o tempo. Confusões das crianças, ordens de dona Cecília que se misturavam às brincadeiras de seu Manéco, no final, tudo dava certo.
     Hora marcada. Da rua ainda se ouvia barulho nas janelas e portas. Estavam realmente fechadas? Somente na metade do primeiro campo nos  alcançava e sempre havia motivos para risos.

Ali reinava a eternidade.
    Vizinhos descendentes de poloneses, ucranianos ou alemães misturavam-se aos brasileiros.    
   Campos de futebol. Os carreiros nos campos, as estradas de saibro, ameixeiras de inverno, pinheiros araucária, cedrinho, hortênsias e dálias. O bico de lacre, andorinhas. Os balões, vaga-lumes, as carroças, bicicletas, poucos automóveis, a igreja.  
    Movimentação no final da rua. Homens num lado, mulheres do outro e crianças em grupos por todos os lados.  
    Depois de muita correria as crianças foram chamadas para uma sala. Vestiram vestes longas e com velas acesas foram para o salão formando um coro ao lado do harmônio o qual emitia aqueles sons de final de ano. Respiraram fundo e a tempo acompanharam o instrumento musical, cantando.

___ Surgem anjos proclamando, paz na terra e a Deus louvor... Gló - ó - ó - ó - ria...

___ Num berço de palhas dormia Jesus...

___ ... Vamos, pois cantarolando...

___ Alta noite estão pastores...

___ Batem Sinos...

___ Adeste Fidelis... *

      As velinhas do pinheirinho foram substituídas por pequenas lâmpadas. Era o primeiro ano com energia elétrica. As luzes piscavam e emitiam raios amarelos, vermelhos, alaranjados, azuis, verdes e brancos. O algodão que imitava a neve estava em todos os galhos. Tudo estava colorido. O ultimo a lançar sua luz esverdeada foi o grande cometa que estava no topo e piscava sem cessar. Silhuetas formavam-se no teto e a platéia levantou-se formando um grande coro cantando a doce música “Noite Feliz”. No final, sorrisos, abraços, elogios e todos seguiram para um salão. A mesa estava repleta com:  torta de palmito, bolo de laranja, chocolate, pastel de carne ou palmito. Canudinho de carne ou maionese, salada de frutas, sagu de vinho, cuque de banana, maria mole, suspiro, balas. Capilé, suco de laranja, suco de uva, limonada, ki-suco... Sem pressa para a história terminar.
* início das músicas..
(O coro Infantil da dissertação cresceu e se tornou Orfeão Infanto Juvenil Caminho da Vida.

Dissertação do tempo de infância por Valdir Alves da Silva Wassmuth -   1959, relatada especialmente para a filha Nadine em 2002).

 

Talvez a foto nº 1 - Orfeão Infanto Juvenil - Foto nos fundos da Igreja Batista de Vila Clarice foto de 60 ou 61.

Apresentação na Igreja Batista de Vila Clarice

Intengrante do Coral de Crianças Caminho da Vida. Quando da viagem em paranagua. 1968.

Rozeli, Lucia Kaniak, Elisabete Coelho, Marlene Correa (En-Memorian), e Luci Kiriluki

 

Marlene Correa (En-Memorian) Lucia Kaniak, Maria Helena Ferreira e Elizabete Coelho.

MANDE MAIS INFORMAÇÕES SOBRE ESTE ORFEÃO. Endereço

VIDEO YOU TUBE

REGENTE

JOÃO ALVES DA SILVA

 

Voltar

© Valdo 2005